APES obtém liminar contra MP antissindical

14/03/19

A 2ª Vara Federal Cível e Criminal da Sede da Subseção Judiciária (SSJ) de Juiz de Fora concedeu, nesta quinta feira, 14 de março, liminar à APES, anulando a validade da Medida Provisória 873. A MP, editada numa sexta feira de carnaval, representa um dos muitos ataques do governo Bolsonaro à luta dos trabalhadores e exige que as contribuições sindicais sejam obrigatoriamente efetuadas via boleto bancário, a ser enviado à casa dos sindicalizados. O ataque desrespeita decisões de assembleia e procura inviabilizar financeiramente entidades sindicais em todo o país.  “Conseguimos essa vitória contra mais uma medida de ataque aos sindicatos do novo governo. Nossa ação foi rápida e bem coordenada, seguindo as indicações do ANDES em articulação com o FONASEFE. A luta contra a MP continua e estamos trabalhando em diversas frentes na defesa de nosso sindicato”, disse Augusto Cerqueira, da Direção  da APES

Clique aqui para ver a liminar