SemanApes

Deputados deverão ser acionados pela UFJF na defesa do HU

O Comitê em Defesa do HU, com membros das 3 entidades representativas da UFJF (APES, DCE e SINTUFEJUF) esteve reunido na manhã de sexta feira, 22 de março, com o Reitor Henrique Duque que afirmou concordar com a sugestão do Comitê em convidar os Deputados Federais (Júlio Delgado, Marcus Pestana e Margarida Salomão) para uma reunião, com a participação do Comitê.

Os três Deputados já foram acionados pelo Comitê e se propuseram a contribuir com a resolução da crise política do HU/UFJF.

 

Acionados pelo Comitê em Defesa do HU, deputados de Juiz de Fora se movimentam

Deputados acionados pelo Comitê se movimentam em defesa do Hospital Universitário. A Deputada Margarida está solicitando agenda com o Ministro da Educação Aloísio Mercadante pra cobrar uma solução para o impasse. O Deputado Marcus Pestana incluiu na pauta da reunião que a Comissão de Seguridade e Saúde da Câmara dos Deputados terá com o Ministro da Saúde Alexandre Padilha no dia 3 de abril, a questão do HU/UFJF. Já o Deputado Júlio Delgado encaminhou ao MEC, ofício cobrando respostas sobre a liberação dos recursos bloqueados do hospital.

EBSERH já enfrenta problemas jurídicos nas universidades que aderiram

   

Das quatro universidades que aderiram a EBSERH (UnB, UFTM, UFPI e UFMA), duas estão passando por problemas jurídicos.
O Ministério Público Federal no Distrito Federal (MPF/DF) entrou com uma ação civil para anular o termo de adesão e o contrato assinados pela reitoria da UnB com EBSERH para administração do Hospital Universitário de Brasília (HUB).

Segundo o MPF/DF a EBSERH:

Fere a autonomia universitária e como consequência a Constiuição;

terceriza indevidamente o Sistema Único de Saúde Federal;

descumpre acórdão do Tribunal de Contas da União (TCU) que determinou a substituição de terceirizados irregulares nos órgãos e entidades da administração pública federal direta, autárquica e fundacional por funcionários concursados e

institui a prestação de serviços públicos privativos do Estado para a empresa, que possui natureza jurídica privada, o que contraria novamente a Constituição Federal.


Na Universidade Federal do Triangulo Mineiro (UFTM), o Sindicato dos Servidores Técnico-Administrativos da UFTM (SINTE-MED) protocolou requerimento/denúncia junto ao MPF, apontando irregularidades e ilegalidades acerca da contratação firmada entre a UFTM e EBSERH.

 

Confira AGENDA em defesa do HU

 

Reunião do Comitê em Defesa do HU com o Procurador Regional da República.
Segunda-feira, 25 de março - 10:30 hs
Rua Santo Antônio, 990 - sala 1501 – Centro

Participação na Tribuna Livre da Câmara Municipal
Terça feira 26 de março - 17:30 hs -

 


Vereador aciona Ministério Público para apurar crise

O Comitê em Defesa do HU esteve reunido com o vereador Antônio Aguiar, Presidente da Comissão de Saúde da Câmara para tratar da crise que afeta o Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora diante do anúncio do corte de verbas. No encontro, Aguiar informou que entrou com representação no Ministério Público para que apure a suspensão do repasse financeiro que ameaça o funcionamento da Unidade. Ele concorda com o Comitê quando defende que a saída para a crise está no cumprimento da Lei, ou seja, na realização de concurso público para  a regularização dos serviços, já que a comunidade rejeitou a adesão à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares – EBSERH.

O vereador se comprometeu ainda em se empenhar para a realização de uma Audiência Pública na Câmara para discutir a questão.

 

 

Nova marca do ANDES-SN já está no site

A nova logomarca do ANDES-SN, lançada durante a abertura do 32º Congresso do Sindicato Nacional, no dia 4 de março, no Rio de Janeiro, já está disponível no site. As orientações sobre a utilização da marca foram enviadas para as seções sindicais nesta terça-feira (19), por meio da Circular nº 31/2013, juntamente com o Manual de Aplicação da Marca.


Visite www.andes.org.br

 



.ANDES-SN se mobiliza para a Campanha pela Anulação da Reforma da Previdência



Os materiais para coleta de assinaturas da Campanha Reforma da Previdência Comprada Tem Que Ser Anulada foram enviados pelo ANDES-SN para as seções sindicais nesta quarta-feira (20), junto com as orientações para a organização do abaixo-assinado, tanto no modelo eletrônico quanto no impresso. O Sindicato Nacional reforça a importância da adesão, mobilização e participação de toda a categoria. Os cartazes que compõem a campanha foram encaminhados às seções em fevereiro. 

Leia mais


Leonardo de Castro, Assessor Jurídico da APESJF, explica o que é assédio moral


Leonardo Castro, Assessor Jurídico da APESJF, explica o que é o assédio
moral e o que o docente das IFE devem fazer caso se tornem vítima dessa
prática

 

Clique aqui para ver o video