Acompanhe a nota sobre a ocupação da Fazenda Liberdade

  • Reading time:2 mins read

“FAZENDA LIBERDADE OCUPADA – O Brasil vem passando por um longo período de crise e de acirramento da luta de classes causada pelo capital, o monopólio da terra e a retirada dos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras.

Hoje damos mais um passo na luta contra o latifúndio e por um país mais democrático e livre da exploração. A região ocupada é a fazendo Liberdade que faz parte do complexo Reunidas HD nos municípios de Coronel Pacheco e Goiná, ao todo somam 2700 hectares. O complexo pertence a Horácio Dias e a Fazenda Liberdade está abandonada há alguns anos. O proprietário é responsável pelo plantio de eucalipto, que não gera empregos e tem causado crise hídrica na região. O complexo encontra-se com grande dívidas e não tem cumprido sua função social. O MST tem a expectativa de abrigar mais de 200 familias no acampamento.

Esta ocupação é construída pelo MST e diversos outros movimentos, como: Levante, MAB, UJR, UJC, Enecos, NAJUP, LICENA e foi construída coletivamente também como parte da programação da JURA (Jornada Universitaria em Defesa da Reforma Agrária) na UFV.

 

(Texto produzido pela equipe de comunicação da ocupação)