APES questiona reitoria sobre minuta de afastamento de docentes do C.A. João XXIII para pós-doutorado

  • Post author:
  • Post category:noticias

Sindicato enfatiza necessidade de contratação de professor substituto

Em reunião realizada nesta terça-feira, 5 de maio, com o reitor da UFJF Marcus David e a vice-reitora da instituição Girlene Alves, a APES solicitou esclarecimentos acerca da aprovação da minuta de edital para afastamento para pós-doutorado para docentes do Colégio de Aplicação João XXIII, enviada à PROGEPE e PROPP no início do mês de abril. Os representantes da APES Luciene Guedes e Augusto Cerqueira reforçaram que a realidade do Colégio de Aplicação exige que os afastamentos para a realização de pós-doutorado tenham a garantia de contratação de professores substitutos.

Diante do questionamento da APES, a vice-reitora Girlene Alves fez um resgate histórico das discussões envolvendo este tema entre a administração da UFJF e o colégio. Informou que o afastamento para realização de pós-doutorado com direito a substituto dentro da instituição é uma política recente, e que representa um avanço para a unidade. A vice-reitora informou que o atraso na aprovação e despacho da minuta deve-se aos trâmites próprios da PROGEPE e PROPP. Todavia, afirmou que a aprovação e o despacho do processo da minuta já estava nas etapas finais. O reitor Marcus David complementou a informação dizendo que não haveria relação entre os cortes orçamentários e as contratações de professores substitutos.