Assembleia aprova conjunto de ações de mobilização. Acompanhe

  • Reading time:4 mins read
Professores e professoras da UFJF e do IF Sudeste MG, reunidos em assembleia no final da tarde de quinta-feira, 28 de janeiro, aprovaram uma série de encaminhamentos para a atuação da APES frente à possibilidade de volta às aulas, ao Ensino Remoto, ao Dia Nacional de Lutas e à campanha de vacinação para todos.
Os docentes aprovaram a participação na carreata marcada para o dia 31 de janeiro, em defesa da ampla vacinação, do SUS e dos serviços públicos, e reforçaram a necessidade de participação e divulgação nas atividades do Dia Nacional de Lutas, marcado para o dia 01 de fevereiro. (Veja a programação neste SemanAPES)
A assembleia se colocou contrária à volta presencial das aulas sem que haja uma ampla vacinação, mas indicou que não é momento para uma greve agora, reivindicando-a como instrumento fundamental de luta da categoria. A direção é seguir avaliando a situação em conjunto com o setor da educação e se envolver mais intensamente na campanha pela ampla vacinação, integrando a luta pelo Fora Bolsonaro. A posição será levada à próxima reunião do Setor das Federais do ANDES-SN.
Aprovou também a formação das comissões criadas a partir da reunião ampliada da Intersindical, realizada com docentes do IF Sudeste MG. Uma delas vai discutir o diagnóstico do Ensino Remoto Emergencial no Instituto, e a outra deve debater a Portaria 983, que prejudica a pesquisa e a extensão, entre outros problemas graves. Além destas, os docentes aprovaram a criação da Comissão de Reivindicações da APES, que vai trabalhar tendo por base o questionário disponibilizado na página da APES, o qual deverá ter um reforço no empenho pela participação dos docentes. O objetivo é montar uma pauta local de reivindicações sobre o ERE.
Professores e professoras deliberaram ainda lutar pelo adiamento do PISM, em conjunto com o Sintufejuf e DCE, e por cobrar, da Reitoria, respostas às reivindicações do Colégio de Aplicação João XXIII em relação ao Ensino Remoto.
Assembleia contou ainda com informes das atividades de mobilização realizadas pela APES, sobre o processo eleitoral no sindicato, feito pelo professor Graziany Dias e com a análise de Conjuntura, realizada pela professora Marina Barbosa.
Clique para ler os informes
Informes Locais
Informes Nacionais
Informes da Comunicação
Eleições na APES
Clique aqui para saber mais sobre as eleições na APES

Acompanhe o calendário de mobilização contra a reforma administrativa e pela vacina para todos
Acompanhe o calendário de mobilização contra a reforma administrativa e pela vacina para todos

31/01: Carreata pela vacinação. Em Juiz de Fora, a partir das 9h, com concentração na Faculdade Estácio de Sá, Av. Pres. João Goulart, 600 – Cruzeiro do Sul.
30 e 31/01: mobilização nos estados e Distrito Federal organizadas pelos Fóruns Estaduais
01/02: Dia Nacional de Luta pela vacina para todos, contra a Reforma Administrativa e as privatizações10 horas: carreatas nas principais cidades do país
14 horas: ato em frente ao Anexo II da Câmara Federal, em Brasília-DF, protocolando a entrega do Manifesto do Fonasefe aos candidatos à Presidência do Legislativo e em seguida iniciando a vigília dos servidores federais (com transmissão virtual)
20 horas: panelaço nacional


Juiz de Fora se manifesta no dia 31 de janeiro, domingo, com carreata exigindo vacina para todos. A APES convida a todos à participação no ato