Confira as informações do SemanAPES On Line

  • Reading time:5 mins read
APES organiza Seminário para estudo do caderno de textos do 37º Congresso do ANDES
         A APES promoverá um seminário preparatório para a participação do sindicato no 37º Congresso do ANDES-SN. O estudo do Caderno de Textos vai se realizar na Faculdade de Serviço Social, sala 5403, na próxima terça-feira, dia 19 de dezembro, entre 8h30 e 12h30 e de 14h30 às 18h. Todos os docentes interessados estão convidados a participar.

 

Pressionado pelas manifestações, Congressso Argentino adia Reforma da Previdência
        Trabalhadores argentinos estão mobilizados contra a reforma da previdência. Na quinta feira, intensas manifestações de milhares de argentinos conseguiram adiar a votação da reforma da previdência em discussão no Congresso em Buenos Aires. A sessão foi adiada a pedido da deputada Lilita Carrió, segundo o jornal “Clarín”. A repressão policial atirou balas de borracha, jatos de água e bombas de fumaça para dispersar a multidão, que se aglomerava nas proximidades do legislativo. O trânsito foi interrompido em várias ruas próximas.
A sessão chegou a atingir o quórum necessário, mas deputados da oposição pediram sua suspensão em virtude dos distúrbios.
A agência de notícias Telam diz que a mobilização teve início às 8 horas, e que milhares de pessoas se reuniram em diversos pontos da capital argentina, encontrando-se em frente ao Congresso por volta das 15 horas, quando os deputados começavam a chegar para a votação.
A reforma pode prejudicar 17 milhões de cidadãos argentinos. De acordo com a nova medida, para exemplificar, o próximo reajuste nos vencimentos, programado para março, cai de 12% para 5,7%. O deputado federal e um dos líderes do Partido dos Trabalhadores Socialistas (PTS), Nicolás del Caño, acusa o governo de esconder a intenção da reforma durante sua campanha eleitoral.
“Temos que expressar a indignação nas ruas e, por isso, sustentamos que é necessário que as articulações sindicais que se opõem a esta lei convoquem uma greve e uma marcha massiva ao Congresso”, completou del Caño.
De fato, as duas grandes centrais sindicais argentinas, a Central Autônoma dos Trabalhadores (CTA) e a Central Geral dos Trabalhadores (CGT), convocaram para amanhã uma greve geral de 24 horas contra a medida de Macri. “Vamos estar juntos nas ruas para parar a reforma, para dizer a este governo que está provocando fome e roubando os cidadãos que os trabalhadores e as trabalhadoras não vão ficar de braços cruzados e não permitirão que este roubo saia impune”, disse o secretário-geral da CTA, Hugo Yasky.Com informações do site da Rede Brasil Atualhttp://www.redebrasilatual.com.br/mundo/2017/12/milhares-tomam-as-ruas-de-buenos-aires-contra-reforma-na-previdencia 


Polícia argentina joga bombas na multidão que protestava contra a reforma da previdência

 

MST consegue adiar despejo em Coronel Pacheco e novo assentamento para parte das famílias
  O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) adiou a desocupação da Fazenda São José em Coronel Pacheco para o dia 15 de janeiro. A medida foi uma solicitação do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST). A data para desocupação havia sido marcada anteriormente para o dia 12 de dezembro. O adiamento do mando de despejo do MST, que também conseguiu a realocação de parte das famílias, é contabilizada pelo movimento como vitória da resistência dos trabalhadores.

 

Novas carteirinhas do Plano de Saúde disponíveis
    Novas carteirinhas do Plano de Saúde estão disponíveis na APES, entre 8h e 18h, de segunda a quinta, e entre 8h e 17h, na sexta-feira

Lembrando que, com a reforma da sede, a APES está funcionando no seguinte endereço: Rua José Lourenço Kelmer 1300 , salas 124 e 126. Centro Comercial São Pedro.

APES está em novo endereço
            Enquanto realiza a reforma em sua sede, a APES passa a funcionar em novo endereço: Rua José Lourenço Kelmer 1300 (esquina com rua Virgulino João da Silva), salas 124 e 126. Centro Comercial São Pedro. O telefone se mantém em 32151286.

 

 

 

Não responda a esse email

As mensagens à APES devem ser enviadas pelo faleconosco@apesjf.org.br. Somente desta forma poderão ser respondidas pela entidade.