Confira Nota do Conselho Universitário da UFJF sobre o programa Future-se

  • Reading time:2 mins read

Nota do Conselho Superior

19 DE JULHO DE 2019

O Conselho Superior (Consu) da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) realizou nesta-sexta-feira, 19, a primeira discussão acerca do “Future-se”. O programa foi apresentado, pelo Ministério da Educação (MEC), em reunião realizada no dia 16, em Brasília, com reitores de todo o país. 

De acordo com o MEC, o “Future-se” seria a alternativa de financiamento de institutos e universidades federais, tendo como alicerce dois eixos principais: a captação de recursos privados e a formulação de parcerias com organizações sociais (OS).

O Conselho Superior ratifica, para o fortalecimento de uma sociedade democrática, os princípios que expressam a necessidade da intervenção do Estado na área social; o caráter público, gratuito e laico da universidade; o financiamento público-estatal das universidades, a gestão pública-democrática e a autonomia universitária.

Em uma primeira avaliação, foi possível identificar elementos que comprometem os princípios defendidos pelo Conselho Superior.

Neste sentido, é fundamental aprofundar a análise da proposta do governo, em seus aspectos políticos, técnicos e jurídicos, envolvendo a comunidade acadêmica e toda a sociedade neste debate.

Por fim, o Consu se posiciona assertivamente na defesa de uma universidade pública, democrática, gratuita e de qualidade.