O Dia da Visibilidade Trans é celebrado em 29 de janeiro

  • Reading time:2 mins read

O Dia da Visibilidade Trans, celebrado em 29 de janeiro, é data de resistência contra os crimes de ódio. Frente à violência legitimada pelo Estado, travestis e transexuais têm seu dia nacional de luta por identidade gênero, orientação sexual e direitos básicos. Segundo dados da Associação Nacional de Travestis e Transexuais (ANTRA), 89 pessoas trans foram assassinadas no primeiro semestre de 2020, um aumento de 39% em relação ao mesmo período do ano anterior.

A luta em defesa da população trans está na pauta do ANDES-SN, sendo tema de debates em seminários e congressos. O 37º Congresso do ANDES-SN aprofundou o debate sobre identidade de gênero e o direito ao nome social para pessoas trans. Os delegados aprovaram a incorporação da luta pela tramitação e implementação do Projeto de Lei (PL) 5002/13 (Lei João Nery), que garante o direito do reconhecimento à identidade de gênero das pessoas trans, sem necessidade de autorização judicial, laudos médicos nem psicológicos, cirurgias ou hormonioterapias, assegura o acesso à saúde no processo de transexualização e despatologiza as transindentidades para a assistência à saúde. Preserva, também, o direito à família frente às mudanças registrais. #visibilidadetrans

Texto do ANDES-SN