Setor das Ifes convoca vigília nacional para próxima reunião do GT de Carreira

  • por

Diante do cancelamento da primeira oficina para discutir a reestruturação da carreira docente em 13/10, os representantes do Setor das Instituições Federais de Ensino Superior (Ifes) do ANDES-SN deliberaram por uma série de ações para fortalecer a mobilização da categoria e garantir a efetivação das negociações conforme previsto no acordo emergencial assinado em agosto pelo Sindicato Nacional com o governo federal. Dentre essas atividades, docentes de todo o país realizarão uma vigília no dia 27/10, data marcada para a próxima reunião com o governo federal.

Veja mais: Impasse entre governo e Sinasefe inviabiliza oficina sobre Carreira Docente

Durante o encontro do Setor, realizado nos dias 14 e 15 de outubro, os docentes avaliaram que a suspensão da oficina foi fruto da postura intransigente do governo, “marcada por vários aspectos dos quais se destacam a negativa absoluta de diálogo com os movimentos grevistas, desconsiderando que a greve é um direito constitucional legítimo.”

Os representantes das Ifes entendem que “o GT é o espaço legítimo para a discussão das propostas, espaço de disputa entre estas, identificando possíveis convergências e divergências, evidente que há divergências e diferentes entendimentos sobre a carreira, e por isso é fundamental que haja disposição para a negociação, respeitando o acordo afirmado”.

De acordo com a análise feita, “a dinâmica da negociação será diretamente determinada pela mobilização da categoria. Intensificar este processo é a tarefa imediata para que se efetive a negociação de fato”. Leia a íntegra da avaliação.

Entre as atividades encaminhadas pelo Setor, está prevista a uma vigília nacional no dia 27 de outubro, quando deve ocorrer a primeira reunião de trabalho do GT.

A oficina cancelada estava prevista para a apresentação das propostas do governo e das entidades para a reformulação da carreira docente. Maurício Alves da Silva, coordenador do Setor das Ifes, disse que o ANDES-SN espera que seja dada continuidade ao cronograma de trabalho já acordado entre governo e as entidades.

“A perspectiva é dar encaminhamento ao calendário acordado já estabelecido e fazer com que seja cumprido o que foi acordado na mesa de negociação”, disse o diretor do ANDES-SN.

Confira abaixo os encaminhamentos para mobilização do Setor das Ifes:

  • Intensificar a mobilização da categoria para acompanhar e consolidar a negociação;
  • Exigir que a negociação efetiva se estabeleça sem protelações;
  • Identificar tópicos que estruturam a carreira, em torno dos quais se evidenciam diferenças de concepção, a partir das propostas já divulgadas, para ser apresentado na próxima reunião do GT, a fim de desencadear as negociações sobre estes temas;
  • Envio de ofício ao MEC/MPOG reafirmando as posições do ANDES-SN no processo de negociação;
  • Dar visibilidade aos encaminhamentos aprovados pelo setor;
  • Atividade de mobilização no dia 27/10 com vigília nacional;
  • Reunião do setor em Brasília 27 e 28/10.

Confira o relatório da reunião.

Fonte: ANDES-SN