Comando Local de Greve visita candidatos à prefeitura de Juiz de Fora

  • por

 

  Representantes do Comando Local de Greve (CLG) da UFJF e do IF Sudeste MG deram início às conversas com candidatos a prefeito de Juiz de Fora na busca por apoio para a reabertura de negociações com o governo federal. Na manhã desta sexta feira, 17 de agosto, a reunião foi no comitê da candidata do Partido dos Trabalhadores, Margarida Salomão, que declarou seu apoio à causa dos professores e prometeu realizar uma declaração pública sobre a greve docente.
O CLG fez um relato histórico sobre todo o processo e entregou uma carta à candidata  com informações sobre os fatos que  levaram à greve docente: desde o descumprimento do acordo de 2011 até as dificuldades de negociação com o governo, passando pela assinatura de um acordo com uma entidade não representativa e a forma antidemocrática com o governo federal conduziu toda a questão. O documento finaliza pedindo o apoio da candidata à defesa da educação no país e sua intervenção por meio de seus interlocutores políticos na luta pela reabertura de negociação.
CLG e a candidata Margarida Salomão

 

Reitor do IF Sudeste afirma compromisso com causa docente
Em busca de apoio para a reabertura de negociações com o governo federal, representantes do Comando Local de Greve (CLG) da Universidade Federal de Juiz de Fora e do Instituto Federal do Sudeste Mineiro estiveram na Reitoria do IF Sudeste MG em audiência com o reitor Prof. Mário Sergio Costa Vieira, que se comprometeu em defender a causa junto ao Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif) além de garantir que não cortará o ponto dos professores em greve. Além disso, o professor afirmou que vai trabalhar junto a parlamentares no sentido de pressionar o governo a receber o ANDES-SN.
Os Professores também entregaram um documento ao Reitor dando um histórico da greve e dos motivos que levaram os docentes a recusar a proposta do governo.
CLG reunido com Reitor do IF sudeste
A foto

CLG se reuniu com estudantes de Arquiterura em
14 de agosto para dar um histórico da greve e
tratar de questões relacionadas aos estudantes